​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​
Top Menu
01

Está em Roma ou tem viagem marcada para lá e vai entrar na cidade pelo aeroporto de Fiumicino? Então se liga na dica de transporte fácil, conveniente e barato para sair do aeroporto e ir direto para o centro da capital italiana, embarcando de forma segura e com uma boa dose de conforto. Há um tempo atrás falamos aqui do blog de um serviço de transfer com ônibus que também faz o trajeto até o centro, e agora apresentamos mais um modal bem popular na Itália e que vale a pena ser utilizado: O trem.

01

Essa com certeza é uma daquelas notícias de encher os olhos e dar água na boca dos viajantes apaixonados por vinhos, que além de gostarem de apreciar um novo destino, fazem sempre questão de colocar a degustação dos melhores rótulos do mercado em seus roteiros de viagem. A Itália sempre foi um destino tradicional e visado pelos amantes da bebida fermentada e agora ganhou ainda mais destaque, pois por lá foi inaugurada uma “fonte do vinho”, que funciona de graça e 24 horas por dia.

01

Você já deve ter ouvido falar de Padova, seja pelo Santo Antonio de Padova (sim, o famoso santo casamenteiro também ficou conhecido como Santo Antonio de Padova pois passou grande parte de sua vida lá) ou propriamente pela cidade e eu vou contar aqui um pouquinho de como foi meu passeio nessa agradável cidade da Itália. Padova fica localizada na região do Veneto, e muito próxima de Veneza, tanto que de trem são 25 minutinhos e eu super indico você passar um dia ou até mesmo meio dia por lá.

01

Já fui para Veneza algumas vezes e acho a cidade encantadora. Fui no ápice do inverno uma vez, no meio da primavera e agora no carnaval que também era inverno mas o frio não era tanto. Fevereiro dizem que é uma época que chove bastante por lá e realmente no carnaval choveu um dia inteirinho e também nessa época a maré fica alta e acaba alagando uma parte da cidade. Confesso que sempre fiquei curiosa pra ver como era estar alagado e dessa vez vi bem de perto, não é legal, a Piazza San Marco estava alagada e causou o maior transtorno para conseguirmos atravessar e chegar em algum outro ponto.

01

Passar o carnaval em Veneza é um dos grandes clichês dos europeus, é uma festa super tradicional por lá e super diferente da nossa festa de carnaval, aliás a única coisa parecida é que as pessoas usam fantasias. A história do carnaval veneziano começou lá pelo século XVI e as pessoas mais nobre usavam roupas e máscara para se disfarçar e se misturar com o povo comum, por isso as máscaras são a marca registrada da festa.

01

Como já falei em outros posts, fiquei na Itália por 2 meses e visitei algumas pequenas cidades perto de onde eu estava hospedada. No dia do meu passeio para Bassano del Grappa acabamos parando na volta na cidade de Marostica, que é um lugar medieval e cercado por um grande muro( que seria o castelo maior) e dentro desse muro existe então a cidade e lá no alto um outro castelo( que hoje funciona um restaurante).

01

Já havia contado por aqui que passei um tempo na Itália para reconhecer a minha cidadania italiana e enquanto isso aproveitei para conhecer as cidades que tinham perto de onde eu estava, afinal por menor que fosse a cidade eu sabia que ela seria linda.

Fechar